Segunda-feira, 27 de Abril de 2009

A chegada

Cheguei há já alguns dias à cidade onde irei viver por tempo indeterminado. Ainda em arrumações e a ambientar-me, decidi abrir este blogue para ir escrevendo esta minha cruzada em jeito de diário. Talvez tenha necessidade de me sentir acompanhado ou de me sentir ouvido. Estes dias em total silêncio têm sido estranhos, principalmente numa cidade tão movimentada e ruidosa.

Estranho, também, é o facto de, com tanto cuidado com os preparativos e na serenidade das despedidas, já que a pressa é inimiga da perfeição, me ter esquecido de cortar o cabelo. Então chego a um sítio totalmente desconhecido a necessitar de um corte de cabelo?! Felizmente ontem enquanto passeava ao início da manhã descobri uma pequena barbearia de bairro no fundo da rua. Hoje, depois do almoço, irei lá arriscar o corte. Será o segundo barbeiro de toda a minha vida. É um número audacioso.

publicado por António às 11:08
link do post

Correio:

antonionacidade@sapo.pt

arquivos

Setembro 2009

Julho 2009

Maio 2009

Abril 2009

posts recentes

Início do II acto

O acordo

Manhã

Amores estivais

O Cristo-Rei

A hora do almoço

Quanto tempo o tempo tem?

A ida ao barbeiro II

A ida ao barbeiro I

Primeiras impressões

blogs SAPO

subscrever feeds